03

julho

_REDES_SOCIAIS-2Afta-VITALITÀ-Site

O que fazer com aftas?

O que fazer quando surgir uma afta dolorida na boca? Aprenda a tirar proveito das terapias naturais.

Afta! De repente… aquela dor que queima em algum cantinho da boca. O que fazer??? De pequenas ou grandes dimensões, podendo ou não estar associadas ao estresse, ou colocação recente de aparelho ou prótese dentária. Desaparecem sozinhas entre 5 a 10 dias. Se demorar mais que isso a desaparecer, procure um cirurgião-dentista, que pode ser outra coisa.

O que fazer? Cuide alimentação evitando alimentos ácidos como abacaxi, laranja, limão e tomate. Evite alimentos perfurantes como pipoca, torradas e biscoitos. Dê um tempo para a afita cicatrizar direitinho.

Existem pomadas e medicamentos locais próprios para aftas, que devem ser prescritos pelo cirurgião-dentista. Promovem alívio da dor, matam parte dos micróbios e protegem a afta.

Mas há terapias naturais que também podem ajudar e muito, no tratamento. A própolis tem um efeito antimicrobiano, anti-inflamatório e cicatrizante. Aquele spray comprado em farmácias pode ser aplicado localmente 4 a 5 vezes ao dia.

A camomila também apresenta propriedades anti-inflamatórias e antimicrobianas. Faça um chá mais concentrado de camomila e deixe na geladeira. Use como bochecho quatro vezes ao dia. Mas faça um chá novo a cada dia.

A deficiência de vitaminas do complexo B e anemia estão relacionados às aftas. Aftas grandes estão relacionadas ao estresse. Avalie se de 10 a 15 dias antes do começo da lesão ocorreu algum evento estressante. Durante o evento estressante, neurotransmissores bloqueiam a produção de células de defesa do corpo e dias depois, às vezes já esquecidos do evento, entramos numa ‘janela’ de baixa defesa e aparecem as grandes aftas. Se for essa a causa, aguarde que vai passar.

Alergias a determinados compostos de pastas de dente, ou alguns alimentos específicos podem também relacionados às aftas. O glúten o trigo também. Experimente a exclusão de um item por vez. E faça um diário num caderninho e anote eventos, alimentos, varie ou exclua temporariamente produtos de uso bucal. Nesses casos, o tratamento seria a auto observância, dentro de sua individualidade.

Se forem frequentes, ou não cicatrizarem após 15 dias, devem ser acompanhadas por um profissional!

-->